Dê a quem você ama: Asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar! (Dalai Lama)

10
Fev 06

mulher_danada.gif A OUTRA
Duas amigas encontram-se no céu e uma pergunta para a outra:
- Como morreste?
- Congelada.
- Ai que horror!!! Deve ter sido horrível! Como é morrer congelada?
- É péssimo: primeiro são os arrepios, depois as dores nos dedos das   mãos e dos pés, tudo a congelar... Mas, depois veio um sono muito forte. E depois perdi a consciência.
- E tu, como morreste?
- Eu? De ataque cardíaco. Eu estava desconfiada que o meu marido me traía. Um dia cheguei a casa mais cedo. Corri até ao quarto e ele estava
na cama, calmamente a ver televisão. Desconfiada, corro até à cave, para ver se encontrava alguma mulher escondida, mas não encontrei ninguém.
Corri até ao segundo andar, mas também não vi ninguém.
Subi até ao sótão e, ao subir as escadas, esbaforida, tive um ataque cardíaco e caí morta.
- Oh, que pena... Se tivesses procurado na arca congeladora, estaríamos ambas vivas!

REMÉDIO SANTO
Dizem que estou ficando amarga, enjoada, ácida, sem graça. Não é verdade.
É só colocar limão, adoçante, sexo, gelo, brilhantes e mexer gostoso, que eu fico maravilhosa!

SEM ADVOGADO
 Uma noite, uma senhora de 87 anos chegou em casa após o Bingo e encontrou seu marido de 92 anos na cama com outra mulher.
Ela ficou tão furiosa e violenta que acabou por empurrar o velhinho da varanda do décimo nono andar do apartamento, matando-o instantaneamente.
Foi levada ao Tribunal, acusada de homicídio doloso.
O juiz perguntou a ela se ela tinha alguma coisa a dizer em sua defesa, e ela friamente replicou:
"Sim, senhor juiz, eu imaginei que se aos 92 anos ele ainda podia transar... ele poderia também voar!"

DE TUDO UM POUCO
Faço meditação, aeróbica, judô, musculação. Jogo xadrez, vídeo game, King e batalha-naval.
Estudo antropologia, física quântica, matemática e arqueologia.
Escalo montanhas, faço vôo livre, salto de pára-quedas.
Leio, escrevo, toco piano, pinto e bordo.
Ufa!!!!! O que a gente não faz para compensar a falta de sexo gostoso...

COMPATIBILIDADE?
Uma mulher envia ao juiz uma petição pedindo divórcio, e o juiz questiona-a:
- A senhora tem certeza do que está pedindo?
A senhora quer o divórcio por excesso de compatibilidade com o seu marido?
Não seria o contrário, por incompatibilidade?
- Não, Meritíssimo, é mesmo por compatibilidade ...
Eu gosto de cinema, o meu marido também; eu gosto de ir à praia e ele também ;
eu gosto de ir ao teatro e ele também ; eu gosto de homens e ele também!!!!!!
----------------------------------------
Você sabe o que é um marido DVD?
É aquele que se Deita, Vira e Dorme.

SEGUNDA OPINIÃO(?)
Briga feia durante o café! No meio dela, o marido sai, já atrasado, para o trabalho. E grita da porta:
- ... e fique  sabendo!!! nem na cama você é boa!!!!!!!
Passado algum tempo, arrepende-se e liga para casa para pedir desculpas.
A mulher demora um bocado a atender.
- Por que é que demorou tanto para atender?
- Eu? Estava na cama... - responde ela.
- Na cama fazendo quê, a uma hora destas?
- Ouvindo uma segunda opinião...
---------------------------------------------

publicado por LauraBM às 02:46
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Jan 06

janelamulherflores_aarte.jpgHouve um tempo em que minha janela se abria sobre uma cidade que parecia ser feita de giz. Perto da janela havia um pequeno jardim quase seco.
Era uma época de estiagem, de terra esfarelada, e o jardim parecia morto.
Mas todas as manhãs vinha um pobre com um balde, e, em silêncio, ia atirando com a mão umas gotas de água sobre as plantas.
Não era uma rega: era uma espécie de aspersão ritual, para que o jardim não morresse.
E eu olhava para as plantas, para o homem, para as gotas de água que caíam de seus dedos magros e meu coração ficava completamente feliz.

Às vezes abro a janela e encontro o jasmineiro em flor.
Outras vezes encontro nuvens espessas.
Avisto crianças que vão para a escola.
Pardais que pulam pelo muro.
Gatos que abrem e fecham os olhos, sonhando com pardais.
Borboletas brancas, duas a duas, como reflectidas no espelho do ar.
Marimbondos que sempre me parecem personagens de Lope de Vega.
Às vezes, um galo canta. Às vezes, um avião passa.
Tudo está certo, no seu lugar, cumprindo o seu destino. E eu me sinto completamente feliz.
Mas, quando falo dessas pequenas felicidades certas, que estão diante de cada janela, uns dizem que essas coisas não existem, outros que só existem diante das minhas janelas, e outros, finalmente, que é preciso aprender a olhar, para poder vê-las assim.
--------------
Cecília Meireles

publicado por LauraBM às 18:14
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

24
Dez 05

imagem_Natal2004.jpg

publicado por LauraBM às 00:29
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Dez 05

solacordacedo.jpg

publicado por LauraBM às 01:49
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

12
Dez 05

Se você ama um poeta, não tente colocar-lhe amarras.
Ninguém prende o pensamento.
Aceite seus devaneios, sua programada solidão, pois quando põe asas na fantasia e voa pela imensidão em busca de inspiração ele é livre...
Quer criar seu poema como peça artesanal escultura de palavras, pintura de sentimentos...
Se você ama um poeta, entenda, não tenha ciúmes, pois a poesia é sua fórmula mágica de felicidade é compromisso com a paixão.
Ele precisa descrever a alma das coisas pôr fogo nos sentimentos que conduzem ao coração...
Cria uma escada imaginária para transpor de uma existência triste, sem sentido, para um viver apaixonado e pleno de alegrias...
Se você ama um poeta entenda sua nobre missão Aceite o desafio, não busque nada além
nem se queixe da sorte. Lembre-se que ama um ser especial, capaz de cruzar a linha que separa a utopia da realidade, o sonho da vigília.
Se você ama um poeta não queira saber como será o amanhã, não se inquiete com seus mistérios ou promessas...
Ele só lhe propõe um presente renovado, com a serena convicção de que o futuro pode ser livre, sem remorsos ou temores.
Poeta não corre atrás de felicidade, ele a encontra nas pequenas coisas...
Nada pode superar o amor que o poeta dá. Pense só na intensidade do instante.
Depende só de você despertar esse amor, mantê-lo vivo como delicada flor.
Amor de poeta é feito de ilusões de fantasias... de sonhos...
Mas vale a pena cultivá-lo... ser sua musa.
Aceite-o como valioso presente. Sirva-lhe de inspiração. Enxugue-lhe a lágrima. Respeite seu silêncio. Não almeje poetar... basta entender o que seu coração diz.
Para amar essa criatura não são necessários ritos extravagantes nem metas inalcançáveis:
Ame-o... Aceite-o somente...

vaso_violetas.gif

MEU ABRAÇO PELO SEU DIA, POETA!

-----------------------

Maria José Zanini Tauil 

publicado por LauraBM às 00:18
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

08
Dez 05

Laura_Lasa.jpgPoema para o Dia Internacional da Mulher - 8/03/2005

É o "Dia da Mulher" !
Vou aqui apresentar-me:
Quem quiser, lê. Quem não quer..... (#%&($?)

Sou mulher simples, vivida,
com bastantes anos d'uso.
Ainda bem parecida!

Sou mulher pouco pintada;
riso aberto, jovial,
franca. Um tanto abrejeirada (!)

Trago nos olhos a alma
das portuguesas d'outrora.
Ninguém lhes levava a palma!

Morena, viva, nervosa,
de coração Lisboeta;
em verso expressa, ou em prosa.

Sou a mulher portuguesa,
de estatura mediana;
nem magrinha nem obesa.

Sou produto dum país
pequenino, à beira-mar.
Sal é a minha raiz!

Sou produto nacional.
Sou a marca registada.
Eu sou «Made in Portugal»!
rosabranca_pequena.gif
8/03/2005
Laura B. Martins
Soc. Port. Autores n.º 20958

publicado por LauraBM às 00:14
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

: ,

01
Dez 05

NO DIA ANTI-VIOLENCIA CONTRA A MULHER – 15/11/2005 mulher_rostogel.jpg


Companheiro, insultas-me sem ruído...
Não há testemunhas! Ninguém ouve o meu grito!

Marido, de dia sou por ti espancada
numa tortura silenciosa. De noite sou por ti violada

Pai anti-natura, co-criador absurdo dos meus filhos,
por eles acordo de manhã com esperança de uma vida sem riscos.

Filho esquizóide, dividido esqueces que tiveste mãe;
que, se existes, foi porque uma mulher te pariu.
Se eu, mulher-mãe, para ti não sou ninguém!

Louco! Crês que tudo podes fazer.
Acreditas que és deus e que nem a Justiça te pode deter.

Homem…? Vives e deliras em forma reles,
nos teus sonhos anormais. Deita-te neles!
-------------------------------------------------------
15/11/2005
Sara Rafael
http://geocities.yahoo.com.br/jerusalem_13/sararafael.html

publicado por LauraBM às 23:53
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

: ,

05
Nov 05

 BettyBoop_dama.jpg

Um dia perfeito para mulheres:

08h15m  - Desperta sem  olheiras  e  recebe  beijos e abraços do amado. 
08h30m  - Entra  no  banheiro, sobe na balança e percebe que está dois quilos mais magra. 
08h45m - Café na cama, trazido pelo seu homem, com geléias, croissants, frutas da estação... 
09h30m - Banho  de  banheira com sais, fragrâncias exóticas, sabonetes indianos, xampu de amêndoas, cremes etc. 
10h40m - Aula de musculação com personal que lembra o Brad Pitt. 
11h15m - Tratamento  facial,  manicure,  pedicure,  massagem relaxante e aromaterapia. 
13h00m - Almoço com a melhor amiga para atualizar as fofocas. 
13h15m  - No restaurante, encontra a mulher do ex e pensa: "Nossa, ela está uma baleia!". Ri  discretamente. 
14h30m  - Compras  no  shopping  com  crédito ilimitado. Volta para casa com várias sacolas. 
16h30m - Em casa, recebe cinco dúzias de rosas de um admirador secreto. 
17h00m - Massagem com aquele massagista que é a cara do Fábio Assunção. 
18h00m - Inicia o ritual de escolha da roupa que usará durante o jantar. 
19h00m - Experimenta o nono vestido. 
20h00m - Jantar romântico, iluminado por velas, com o amado. 
20h15m - Recebe um colar de US$ 2 mil como prova de amor. 
21h00m - Morangos e champanhe na sobremesa. 
22h00m - Faz amor. Preliminares duram uma hora e vinte e cinco minutos.
Meia-noite  -  Adormece  abraçada  ao seu amado  (de uma forma que ele mal consegue se mexer).
ACORDA MULHER... QUE ISTO É SÓ UM TEXTO.
PAPAI NOEL TAMBÉM EXISTE....
------
Teka

publicado por LauraBM às 01:51
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

08
Out 05

bussola.gif

Solidão não é a falta de gente para conversar,
namorar, passear ou fazer amor...
Isso é carência.

Solidão não é o sentimento que experimentamos
pela ausência de entes queridos
que não podem mais voltar...
Isso é saudade.

Solidão não é o retiro voluntário
que a gente se impõe as vezes,
para realinhar os pensamentos...
Isso é equilíbrio

Tampouco é o claustro involuntário
que o destino nos impõe compulsoriamente,
para que revejamos nossa vida...
Isso é um princípio da natureza

Solidão não é o vazio de  gente ao nosso lado...
Isso é circunstância

Solidão é muito mais do que isso...
Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos
e procuramos em vão pela nossa alma!!!
------------------
21/04/2004
Fátima Irene Pinto

publicado por LauraBM às 01:24
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

05
Out 05

ruiva_sentada.gif...pois são todas belas, belas, belas...

Você sabia que se os manequins das vitrinas fossem verdadeiros, suas cadeiras seriam pequenas demais para ter filhos?

Há três biliões de mulheres no mundo que não se parecem com as super  top-models e existem apenas 8 verdadeiras super top-models!

Marilyn Monroe usava 42 e o 42 da época seria um 46 actual!

Se a boneca Barbie fosse uma verdadeira mulher, ela só poderia andar de quatro porque, com as suas proporções, ela não pararia em pé!

A mulher média pesa 66 quilos.
As top-models dos jornais são retocadas por computador e também não são perfeitas!

Uma pesquisa de 1995 mostra que 70% das mulheres ficam deprimidas e sentem-se culpadas depois de olhar uma revista feminina por três minutos.

Há 20 anos, as Top-Models pesavam em média 8 quilos a menos que a mulher comum.
Hoje, elas pesam 23 a menos!•
Então, caras, parem de sonhar acordados e caiam na real!!

Mande este mail a mulheres para fazê-las sorrir!

Também podemos mandar para os caras pararem de encher o nosso saco!!!
-----------------------------------
31/08/2005
artigo recebido via Internet, s/autoria

publicado por LauraBM às 01:16
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

21
Set 05

email24_caveira.gifUm belo dia eles somem!
Percorremos nossos olhos pelo Outlook e nada!
Onde estão?
Aquelas mensagens lindas, alegres e até engraçadas?!?!
Onde foi parar vc: "From"? Por que se foi? Eu não o deletei! Não bloqueei!
Que motivo lhe demos? Que motivo ele teve?
Começamos a consolar-nos com as suposições:
O pc está com defeito, teve que formatar, e ai perdeu tudo!
Quem sabe viajou? Ou quem sabe está com a vida corrida?
A namorada tá com ciúmes , o marido reclamou?
Mas... E se estiver doente?? Deprimido?? Sem grana para pagar a Internet?
Com dificuldade de digitar, quem sabe artrite? Será que roubaram o computador dele?
Onde está nosso amigo virtual?? Para onde foi??
Ai vem o pânico...
Onde ele mora? Sei que estava aqui dentro... Cadê????
Mas...
Em verdade ele existe de fato e de direito, tem endereço, CPF, tipo sanguíneo, DNA,  telefone, etc...
Pôxa!! Por que não peguei o número?? Onde vou acha-lo, neste universo imenso da net??
Será que voltará um dia?? Ou se foi para sempre??
Ai vem a raiva...
Vou bloquear o e-mail dele! Tá pensando o quê?? Que coisa!! Não fiz nada!
É um ingrato!! Nunca me considerou!
Depois vem a mágoa...
Lhe ofereci tanto e... Foi sem nem se despedir. Cadê?
Pois é , gente... Somos impotentes diante da imensidão e do anonimato da net!
Temos que acreditar no que se diz aqui, temos que imaginar quem é o outro do outro lado.
Ou melhor não imaginar???
Temos que manter os laços de uma fita que não é de seda e sim de chita, escorregadia, bem fina,
bem frágil.
Claro que tem aqueles que se apresentam e mandam dados.
Temos que confiar. Se for um maníaco? Céus! Será que é quem diz?
Mas em verdade, a maioria, quem são?? Onde encontra-los ?
Dentro da fragilidade da pontuação, cada um lê o que quer ou que lhe parece.
Quantas vezes dizemos olá!!!! E lêem OLÁ! Temos então que explorar bem o teclado!!!!!!!
Quantas vezes nossas intenções são lidas de maneira diferente, à mercê do humor e da pontuação de quem está do outro lado?? Inúmeras, todas!!
Já pararam para pensar:
Eles vem e vão de nossas caixas de mensagens, e nós entramos e saímos de suas listas de e-mails.
Quantos morreram e não sabemos? Quantos digitaram piadas em olhos embaçados de lágrimas !
Quantos retratos mentirosos... Quantas verdades nas entrelinhas...
Não podemos saber, não vemos, de fato.
Mas podemos ter a sensibilidade da sintonia humana, a fé no semelhante, a inocência pretendida,
podemos sentir quando se vão, e quando não nos querem mais?
Podemos sim, trata-los com o respeito que merecem, respondendo todas as sua perguntas,
mandando todas as mensagens, repassando todos os seus créditos, considerando-os do bem.
Para que um dia, quando não estiverem mais aqui, se tenha só saudade, e não mágoa e raiva.
Porque esta é a frágil ligação virtual, as vezes e muitas vezes tão realmente importante para fazer o dia de alguém, melhor.
Mas que, quando nos deparamos com a realidade de que os  fatos são virtualmente frágeis...
E que esses que se foram de nossa telinha podem nunca mais retornar...
Conhecemos enfim, a morte virtual.
Para ela só resta o luto de uma simples, mas sincera, poesia in memorian, por uma perda sentida e virtualmente real...
---------------
Augusta Melo

publicado por LauraBM às 23:13
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

05
Ago 05

Mulher_caracois.jpgJamais permita que algum homem te escravize,
você nasceu livre para amar, e não para ser escrava.

Jamais permita que o teu coração sofra em nome do amor,
amar é um ato de felicidade, por que sofrer?

Jamais permita que teus olhos derramem lágrimas,
por alguém que nunca te fará sorrir!

Jamais permita que teu corpo seja usado,
saiba que o teu corpo é a moradia do espírito,
por que mantê-lo aprisionado?

Jamais permita ficar horas esperando por alguém,
que nunca virá, mesmo tendo prometido!

Jamais permita que o teu nome seja pronunciado em vão
por um homem que nem sabe se tem nome!

Jamais permita que o teu tempo seja desperdiçado,
por alguém que nunca terá tempo para você!

Jamais permita ouvir gritos em teus ouvidos,
o amor é o único que pode falar mais alto!

Jamais permita que paixões desenfreadas,
tirem você de um mundo real, para outro que nunca existiu!

Jamais permita que os outros sonhos
se misturem aos seus, fazendo-os virar um grande pesadelo!

Jamais acredite que alguém possa voltar,
quando nunca esteve presente!

Jamais permita emprestar teu útero,
para gerar um filho que nunca terá um pai!

Jamais permita viver na dependência de um homem,
fazendo crer que você nasceu inválida!

Jamais permita que você fique linda e maravilhosa,
para esperar um homem que não tenha olhos para te admirar!!!

Jamais permita que teus pés caminhem
em direção de um homem, que só foge de você!

Jamais permita dor, tristeza, solidão,
ódio, ressentimento, ciúme, remorso,
e tudo que possa tirar o brilho dos teus olhos,
fazendo enfraquecer a força que existe dentro de você!

Jamais permita que você mesma
perca a dignidade de ser MULHER!!! 
-------------
Nelson Araújo

publicado por LauraBM às 01:58
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

12
Jul 05

casal.jpgTexto recebido duma amiga da Internet. Ela reside no Brasil e eu em Portugal.
A Internet proporciona momentos destes.
Bem hajas, querida Internet!
A tua capacidade de proporcionar encontros e amizades, apesar de virtuais, é um bem que não devemos desperdiçar; muito menos transformá-lo num vício, em detrimento da família e dos n/afazeres diários.
Saibamos utilizar-te para o bem!
------------
27/02/2005
Laura

========================
Em tudo nesta vida, podemos sempre encontrar algo de bom, mesmo nos momentos mais complicados, mais difíceis, mais desesperadores...

Amigos e amigas, estes dias de Fevereiro/2005 foram os piores de minha vida em relação à minha saúde, e nunca poderia imaginar algum dia, depois dos momentos terríveis pelos quais passei,  escrever a tantas pessoas, procurando de alguma forma agradecer toda a força das correntes de orações e boas vibrações que se formaram ao meu redor, pedindo ao Todo Poderoso por minha recuperação, cada qual dentro de suas convicções religiosas às quais respeito igualitariamente... o que encontrei de bom nesses dias, foi a constatação da quantidade enorme de pessoas que apreciam anonimamente o meu trabalho, são de fato milhares de pessoas de todos os cantos do mundo...  não tem sido em vão todo o meu empenho em tentar compreender sempre mais o computador, em fazer tudo da melhor forma que souber, compartilhar o que aprendi, pois senti e me convenci de que na Internet, realmente meu trabalho está sendo útil a muitas pessoas que nesta hora decisiva se revelaram generosas, solidárias, amigas! 

Se eu puder colocar um pequeno sorriso num rostinho triste, se eu puder trazer consolo com uma simples frase que fale ao coração da pessoa que estiver lendo minhas mensagens semanais, se eu puder alegrar os olhos e ouvidos de meus destinatários com uma formatação caprichada, com uma midi bem escolhida, se eu conseguir agradar aos visitantes de minha página com os trabalhos gráficos que crio com todo o meu amor ou ajudá-los em alguma dificuldade com o Outlook ou outro programa,  enfim, se eu puder contribuir para tornar o dia de alguém um pouquinho melhor, o meu objectivo estará sendo alcançado, pois não procuro nem desejo louros, homenagens ou medalhas, não estou competindo com nada e com ninguém, estou apenas tentando usar os dons que Deus em Sua infinita bondade me concedeu para utilizar o computador e seus recursos em favor de um mundo mais bonito, mais amigo, mais solidário, é nisso que acredito!

Estas primeiras semanas de convalescença são difíceis, mas pretendo, se Deus assim permitir e tão logo seja possível, colocar em minha página um relato minucioso de tudo o que aconteceu em relação à minha cirurgia cardíaca, à disposição de todos que desejarem conhecer esses detalhes.

E como sou feliz por poder estar aqui repartindo este primeiro momento com vocês, amigos/amigas virtuais, agradecendo a meus familiares e amigos/amigas mais íntimos e ao lado de Walter, meu marido e companheiro, um Homem ímpar que há 47 anos vem honrando a promessa recíproca que fizemos perante Deus em nosso casamento:
"Amar, honrar e respeitar na alegria e na tristeza, na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença..."
-----------------------
Nena
http://www.nena.com.br

publicado por LauraBM às 00:03
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

05
Jul 05

imagemdepc_desfocada.gifCarlinha vem passar o fim de semana comigo.
É seu aniversário. Estou feliz de ver minha neta ao vivo. Poxa! Tocá-la, cheirá-la.

É óbvio que assisti ao nascimento dela e ouvi seu choro em tela grande, e não travou nada.
Também dei sorte no baptizado. A conexão estava excelente, e participei feliz do evento, todo com efeito sonoro e a imagem 3D.
Meu Velox funcionou bem demais.
Mas que pena, o cheiro nunca senti. O Bill Gates ainda não fez versão Windows Natura ou Windows Boticário.
Estarei viva na versão cheiro? E serão estes os cheiros?
No mais, tenho acompanhado tudo da vida e do mundo. As imagens são lindíssimas, o som um show.
Mas... Será que ainda se mergulha no mar? Que ainda se namora no cinema? Provavelmente sim, em aldeias distantes, onde a versão é 98 ou XP. Gostaria de um dia ainda navegar por lá. Não sei se vou adaptar-me de novo com travamentos do PC ou, pior ainda, com a sensação do pé descalço na areia.
Então, por que estranhamente tenho sentido falta do papel, do lápis e da borracha?
De tocar em rostos, de sentir o gosto, de praticar todos os meus sentidos.
A visão e audição estão bem supridas, mas olfacto, ato e paladar ficaram fora de uso. Gostava deles.
Carlinha não vai conhecer isto. Aliás, ando com tantas saudades de tudo.
Maldita memória a minha. Muitos megas de vida. Ela é de 4900000, então guarda tudo.
Ando lembrando muito dos meus amores anteriores ao Gates. Eu beijava no portão, e não tinha como deletar. Existia feijoada com caipiríssima; eu olhava a lua, eu cheirava as flores, mastigava maçã. Eu fiz isto sim, meu amigo leitor!
Envelheci, meu disco rígido está cansado. Preciso fazer um transplante de HD. Vai que tenho um erro fatal enquanto estou dormindo? Congelo e ninguém vai saber. Morro ou não?
Não morro definitivamente, pois minha vida está quase toda salva em CD,  em DVD.
Definitivamente não morrerei de súbito, a tecnologia não mais me permite este luxo.
Virarei apenas mais um arquivo morto.
Memória de um enlouquecido século.
--------------------------------------
Rosa Pena
http://www.rosapena.prosaeverso.com/
do livro/Eu & a Net/rosa pena

publicado por LauraBM às 23:52
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

23
Jun 05

Olhos_lindos.gif

Queres saber minha idade?
Olha dentro dos meus olhos profundamente, docemente!
Verás tudo o que imaginares!..
Não uma alma cansada, não uma mulher madura,
não quem perdeu a esperança, não quem a insónia não deixou dormir!

Antes, uma criança que corre pelos prados atrás das borboletas,
dos gamos e gazelas, de tudo que lhe dá vida!
Do cheiro do alecrim, das flores esparsas
como  um tapete de relva que seus pezinhos palmilham...

Antes, alegria rejuvenescida, vontade de viver, jovem como é!..
Nunca me perguntes minha idade! Não a tenho!
Podes me dar à que quiseres. Não me importo não!..
Se esse corpo de hoje está diferente, a alma, essa, nunca mudou e nem mudará!

Não é uma alma atribulada, plena de dor e desamor!
É uma alma cheia de encantamentos,
para te dar muito amor que só conhecem os que amam,
os que ainda correm atrás de seus sonhos,
atrás dos beija-flores, do canto das cigarras,
do sol que já desponta, e da tarde que se vai.

Tudo isso é a minha idade,
junto a todo o amor que sinto por mim e por ti.
Sim, porque preciso me amar também.
Dar-me um pouco de calor, para aquecer esse meu abraço que é só teu e meu.
Se quiseres, ainda, saber a minha idade,
olha, dentro dos meus olhos e lá verás a Idade do Amor!..
-----------------------------
23/09/2005
Eda Carneiro da Rocha
www.albumpoeticoeda.com.br

publicado por LauraBM às 22:53
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

: ,

05
Mai 05

internautadolar.jpg

publicado por LauraBM às 23:22
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Abr 05

mulher-cabelolongo.jpgSimpatia - é o sentimento
Que nasce num só momento,
Sincero, no coração;
São dois olhares acesos
Bem juntos, unidos, presos
Numa mágica atracção.

Simpatia - são dois galhos
Banhados de bons orvalhos
Nas mangueiras do jardim;
Bem longe às vezes nascidos,
Mas que se juntam crescidos
E que se abraçam por fim.

São duas almas bem gémeas
Que riem no mesmo riso,
Que choram nos mesmos ais;
São vozes de dois amantes,
Duas liras semelhantes,
Ou dois poemas iguais.

Simpatia - meu anjinho,
É o canto de passarinho,
É o doce aroma da flor;
São nuvens dum céu d'Agosto
É o que m'inspira teu rosto...
- Simpatia - é quase amor!
-----------------
Casimiro de Abreu

publicado por LauraBM às 00:40
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Mar 05

casalCoruja_BodasOuro.jpgReceba os "PARABÉNS", Coruja amiga!
Queira Deus que, na vida, sempre siga
acompanhada pela escolha de menina.
Que Deus te dê um fio de esperança
numa vida de eterna Paz. Bonança,
na última viagem peregrina.

Não percas esse olhar maroto e meigo,
cabelos de ouro velho e esse teu jeito
maduro e lindo de mulher-avó.
Deves mostrar aos netos a beleza
dum casal em desuso, com certeza?...
que há mais de cinquent'anos deu o nó.

Há muito tempo caminhas ao meu lado.
Mesmo sem férias, tenho-me consolado
com as imagens que me envias a granel.
A tua terra, é bonita pra valer.
Quem sabe, um dia, o Brasil possa conhecer,
dar-te um abraço e invejar o teu anel?
---------------------------
15/04/2005
Laura B. Martins
Soc. Port. Autores n.º 20958

publicado por LauraBM às 01:06
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Fev 05

haha_verm.GIFA FOTO
Enquanto fazia um curso em outro país, uma brasileira recebeu uma carta de seu noivo pedindo que ela devolvesse a fotografia dele porque se apaixonara por uma outra mulher. A garota ficou arrasada. Seus colegas de classe tentaram em vão consolá-la. Até que, um dia, ela pediu uma foto de cada um
deles e enviou-as ao ex-noivo com o seguinte bilhete:
“Desculpe mas não me lembro qual é a sua. Pegue ai e devolva o resto”.

ALARME
O cara conhece uma loira e logo leva  a bendita para o motel.
Lá dentro, começando pelo começo, o cara  tira a camisa e mostra para a moça seus bíceps e diz:
- Isso são 80kg  de dinamite!
A loira sorri.
Mostra o abdómen e fala:
- Isso são 100kg de dinamite!
Aí a loira fica de boca aberta.
Tira a bermuda e  mostra a coxa e diz:
- Olha! Isso são120kg de dinamite!
Então a loira arregala os olhos.
E, por final, o sujeito tira o samba-canção.
A loira sai correndo e gritando:
- SOCORRO!!!!! Evacuem o motel... O  meu quarto esta lotado de dinamite e o pavio é bem curtinhooo!!!

A ZANGA
Marido e mulher não se falavam a uns três dias.
Entretanto, o homem lembra-se que no dia seguinte tem uma reunião muito cedo no escritório, (e como precisava levantar-se cedo) resolve pedir à mulher para o acordar. Mas, para não dar o braço a torcer, escreve num papel:
- Acorda-me às 6 horas da manhã.
No outro dia, levanta-se e quando olha para o relógio - 9:30 hs.
O homem tem um ataque:
- Estúpida, não me acordou...
Nisto olha para a mesa de cabeceira e repara num papel no qual está escrito:
- São seis horas, levanta.
Não adianta brigar com as mulheres!

PRIORIDADES
Uma senhora idosa estava no convés de um navio de cruzeiro, segurando seu chapéu firmemente com as duas mãos para não ser levado pelo vento. Um cavalheiro se aproxima e diz:: - Me perdoe, senhora... não pretendo incomodar, mas a senhora já notou que o vento está levantando bem alto o seu vestido?
- Já, sim! - disse a senhora. Mas é que eu preciso de ambas as mãos para segurar meu chapéu.
- Mas, senhora... a senhora deve saber que suas partes íntimas estão sendo expostas! - disse o cavalheiro. A senhora olhou para baixo, depois para cima e respondeu: - Cavalheiro, qualquer coisa que o Sr. esteja vendo aqui em baixo tem 85 anos e o chapéu, comprei ontem!"

ESTA MULHERADA!
A moça passeava às margens do lago quando, de repente, apareceu um  sapo dizendo:
Olhe, eu sou um engenheiro e fui transformado em um sapo por uma bruxa malvada.
Se você me beijar, eu me caso com você e seremos felizes para sempre!  
A mocinha toda contente, pegou o sapo e o colocou no bolso da jaqueta.
Enquanto ela ia a caminho de casa, o sapo começou a ficar impaciente e perguntou:
- Ei, você não vai me beijar?    
Ela respondeu:
- De jeito nenhum! Faço mais dinheiro com um sapo falante do que com um marido engenheiro!
==================

publicado por LauraBM às 01:57
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Jan 05

Recebi esta mensagem, li-a e achei as conclusões finais bem esclarecedoras. Depois... parei e perguntei a mim mesma se eu também caminhei assim na vida, sem um rumo e um Norte. Concluí que tinha um rumo sim, mas sempre o destino me foi desviando; sempre lhe passei ao lado por muito que me esforçasse e esticasse os braços para o prender e voltar ao trilho. Tentei segurá-lo, mas ele sempre se desviou tanto que alguém acabava por apanhá-lo sem que eu conseguisse fazer alguma coisa mais. Era «o meu rumo» que outros me usurpavam. Assim fui seguindo pela trilha do possível, já que o desejado era inatingível. Hoje, ao olhar para trás, vejo uma vida que passou. Ao olhar para a frente vejo uma vida que já tem pouco para desejar. É tarde! Mas ainda gosto de ler sobre rumos traçados, seguidos e alcançados. ILUSÕES!

-------------------

17/11/2005

Laura B. Martins

================

VIDAS SEM RUMO

farol_ceuazul.gifEra um sábado de sol e uma família aproveitava o início do verão para fazer um passeio diferente.
Informados de que uma ilha, situada à meia hora de barco do litoral, era um lugar agradável e belo, não hesitaram.
O pai comprou as passagens de barco, a mãe arrumou as crianças e chamou a avó para compartilhar do passeio.
Nas mãos uma mochila com alguns apetrechos de praia para garantir um dia tranquilo. E só.
Não se informaram sobre o que realmente encontrariam, nem sobre o que deveriam levar para passar o dia.
Não se inteiraram também sobre o que havia para ser visto e se tinha algum tipo de guia no local para facilitar-lhes a empreitada.
Quando desembarcaram não atentaram para os demais passageiros, para onde iriam, ou que rumo tomariam.
Discutiam entre si para decidir o que fariam e, por fim, acabaram tomando uma trilha, dentre as muitas que havia, e caminharam muito, sem saber sequer para onde se dirigiam.
Passaram por pequeninas vilas, cruzaram riachos e pontes, até alcançar uma praia pequena, sem movimento e sem grandes atractivos.
Os mosquitos e o sol inclemente tornaram o passeio ainda mais difícil.
A ausência de um local apropriado para o almoço, para um descanso, também foi motivo de discussão entre os membros da família.
Horas depois de terem desembarcado, o único desejo de todos era retornar ao barco e voltar o mais rápido possível para casa.
Não conseguiam conceber como alguém poderia ter, em sã consciência, recomendado um programa como aquele.
Quando, enfim, conseguiram encontrar o caminho de volta e localizaram o ancoradouro onde haviam desembarcado, puderam sentar-se à sombra e comprar água fresca para beber.
Todos cansados e irritados, começaram a perceber as pessoas em volta e notaram os comentários que faziam a respeito da ilha.
Uns falavam ter adorado a vista do morro onde ficava o farol.
Mas, de que farol falavam?
Outros diziam que a fortaleza construída há mais de duzentos anos era um espectáculo à parte.
Fortaleza? Onde fortaleza?
Falavam também de praias de águas mansas e transparentes onde as crianças podiam brincar sossegadas.
Onde, afinal, ficavam tais praias?
Quando a família se alojou no barco que a levaria de volta ao continente, pai, mãe, avó e filhos se entreolharam e se deram conta de que haviam desperdiçado o dia.
Perceberam que por falta de planeamento, de diálogo e de cuidado, deixaram de conhecer as belezas daquele lugar, e que haviam sofrido desnecessariamente.
Esboçaram um sorriso sem graça e voltaram para casa em silêncio, pensativos e desapontados.
.........................
Muitos também passamos pela vida assim.
Vivemos por viver, sem saber ao certo o que fazer dessa oportunidade abençoada.
Não planejamos nossas condutas e repetimos mil vezes os mesmo erros, insistindo em antigos vícios.
Não sabemos o que queremos alcançar, quem queremos ser, e assim desperdiçamos horas, dias, anos...
Desperdiçamos vida...
Quem não sabe aonde pretende ir não chega a lugar algum.
Corre o risco de andar em círculos ou, ainda, de acabar sofrendo riscos e dores desnecessárias.
Planeje, no presente, o seu futuro.
Trace rumos seguros para sua vida.
---------------------
www.momento.com.br

publicado por LauraBM às 23:36
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Dez 04

postalcomfrase-nos.jpg

publicado por LauraBM às 01:54
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

08
Dez 04

coracao_coracoes.gif O coração tinha porta,  tinha campainha,  mas costumava ficar sem tranca. A entrada era fácil,  porém não era franca .
A campainha tinha que ser accionada,  a porta então se abria com facilidade e os convidados podiam visitá-lo com algumas regalias.
Se ganhariam  passe livre?
O tempo diria.
O preço para a permanência não era alto, era apenas justo.
Bastava demonstrar que gostavam dele e respeitariam os momentos exclusivos que qualquer coração que se preze gosta de ter. Corações adoram privacidade.
Percebeu no entanto,  a grande confusão que se faz com esta história de peito aberto. Ter peito aberto é ter que compartilhar de sentimentos individuais e intransferíveis? Aos pouquinhos resolveu colocar uma chave básica .A porta andava sendo aberta com muita frequência,  sem sequer tocarem a campainha e era pego  nu! Coração pelado é privilégio só de quem nem precisa bater na porta,  já mora nele!
A principio colocou  uma fechadura bem vagabundinha. .Acreditava que assim,  os invasores se “tocassem” que tinham que tocar “a tal campainha”.
Adiantou muito pouco. Percebeu a insistência,  aliás a incoerência de acharem que  alguns “olás” dados  ao acaso,   autorizavam a entrada livre.
Ontem comprou uma “chave de segurança (papaiz)” com quatro voltas. Trancou bem para ter certeza que poderia ficar pelado, descabelado,  melancólico,  maluco se quisesse. Naquele momento quem gostava dele realmente,  saberia que ele queria apenas o silêncio do amor,  a mudez da solidariedade,  nunca a invasão dos “ois” ao vivo e a cores,  dos “obas - obas”  que não provam  nada ao sofredor,  mas faz  muito bem ao ego do invasor,  que passa a  se sentir um amor de pessoa, companheiro fiel da dor.
A  cópia do "papaiz " seria dada a partir dali,  a quem soubesse respeitar a vontade dele.
Vontade de chorar sozinho e baixinho.
Certas dores não foram feitas para terem acompanhantes.
São exclusividades do dono.
-------------------------------------
22/08/2004
Rosa Pena
http://www.rosapena.prosaeverso.com/

publicado por LauraBM às 02:34
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Nov 04

mulhergorda_Scherazade.jpg
Querido Diário,
Hoje começo a fazer dieta. Preciso perder 8 kg.
O médico aconselhou-me a fazer um diário, onde devo colocar minha alimentação e falar sobre o meu estado de espírito.
Sinto-me de volta a adolescência, mas estou muito empolgada com tudo.
Por mais que dieta seja dolorosa, quando conseguir entrar naquele vestidinho preto maravilhoso, vai ser tudo de bom.
Primeiro dia de dieta.
Um queijo branco. Um copo de diet shake.
Meu humor está maravilhoso. Sinto-me mais leve.
Uma leve dor de cabeça talvez.
Segundo dia de dieta.
Uma saladinha básica. Algumas torradas e um copo de iogurte.
Ainda me sinto maravilhosa.
A cabeça dói um pouquinho mais forte... mas nada que uma aspirina não resolva.
Terceiro dia de dieta.
Acordei no meio da madrugada com um barulho esquisito. Achei que fosse ladrão.
Mas, depois de um tempo percebi que era o meu próprio estômago.
Roncando de dar medo.
Tomei um litro de chá. Fiquei mijando o resto da noite.
Anotação: Nunca mais tomo chá de camomila.
Quarto dia de dieta.
Estou começando a odiar salada. Sinto-me uma vaca mascando capim.
Estou meio irritada. Mas acho que é o tempo.
Minha cabeça parece um tambor.
Janaína comeu uma torta alemã, hoje, no almoço. Mas eu resisti.
Anotação: Odeio Janaína!
Quinto dia de dieta.
Juro por Deus que se vir mais um pedaço de queijo branco na minha frente, eu vomito!
No almoço, a salada parecia rir da minha cara.
Gritei com o boy hoje! E com a Janaína.
Preciso acalmar e voltar a concentrar-me.
Comprei uma revista com aquela famosa modelo na capa: Gisele - minha meta.

Não posso perder o foco.
Sexto dia de dieta
Estou um caco. Não dormi nada essa noite.
E o pouco que consegui sonhei com um pudim de leite.
Acho que mataria hoje por um brigadeiro...
Sétimo dia de dieta.
Fui ao médico. Emagreci 250 gramas. Tá de sacanagem!
A semana toda comendo mato. Só faltando mugir e perdi 250 gramas...!
Ele explicou que isso é normal:
Mulher demora mais emagrecer, ainda mais na minha idade.
O FDP me chamou de gorda e velha!?!?
Anotação: Procurar outro médico.
Oitavo dia de dieta.
Fui acordada hoje por um frango assado. Juro!
Ele estava na beirada da cama, dançando can-can.
Anotação: O pessoal do escritório ficou me olhando esquisito hoje, Janaína diz que é porque estou parecendo o Jack do "Iluminado".
Nono dia de dieta.
Não fui trabalhar hoje. O frango assado voltou a acordar-me, dançando dança do ventre, dessa vez.
Passei o dia no sofá vendo TV. Acho que existe um complô.
Todos os canais passavam receita culinária.
Ensinaram a fazer torta de morangos, salpicão e sanduíche de rocambole.
Anotação: Comprar outro controle remoto, num acesso de fúria, joguei o meu pela janela.
Décimo dia de dieta.
Eu odeio modelos, e ainda mais a Gisele.
Décimo primeiro dia de dieta.
Chutei o cachorro da vizinha. Gritei com o porteiro.
O boy não entra mais na minha sala e as secretárias encostam na parede quando eu passo.
Décimo segundo dia de dieta.
Sopa.
Anotação: Nunca mais jogo pôquer com o frango assado. Ele rouba.
Décimo terceiro dia de dieta.
A balança não se moveu. Ela não se moveu!!!
Não perdi um mísero grama! Comecei a gargalhar.
Assustado, o médico sugeriu um psicólogo. Acho que chegou a falar em psiquiatra.
Será que é porque eu o ameacei com um bisturi?
Anotação: Não volto mais ao médico, o frango acha que ele é um charlatão.
Décimo quarto dia de dieta.
O frango me apresentou uns amigos.
A picanha é super gente boa, e a torta, embora meio enfezada, é um doce.
Décimo quinto dia de dieta.
Matei a Gisele! Cortei-a em pedacinhos e a todas as fotos de modelos magérrimas que tinha em casa.
Anotação: O frango e seus amigos estão chateados comigo.
Comi um pedaço do Sr. Pão, mas foi em legítima defesa.
Ele ameaçou-me com um pedaço de salame.
Décimo sexto dia.
Não estou mais de dieta.
Aborrecida com o frango, comi-o junto com o pão.
E arrematei com a torta. Ela realmente era um doce.
Frase do dia:
"Estou fazendo a dieta da sopa... Deu sopa eu como!" hehehehehe

publicado por LauraBM às 16:16
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

12
Nov 04

mulherdancar_mini.gifMulher Dirige melhor...
Não fica careca...
Não sofre de fimose...
Tem um dia internacional...
Sempre sabe que o filho é seu...
É carregada na noite de núpcias...
Pode usar tanto rosa quanto azul...
Sentar de pernas fechadas não dói...
Tem prioridade em botes salva-vidas...
É o lado vistoso do dimorfismo sexual...
Não paga a conta, se for bobinha racha...
Pés femininos têm direito até a fã clube...
São as primeiras reféns a serem libertadas...
A idade não atrapalha o desempenho sexual...
Se é traída, é vítima; se trái, eles são cornos...
Numa greve de sexo consegue qualquer coisa...
A programação da TV é 90% voltada pra elas...
Existem diversas roupas que modelam o corpo...
Pode ir para o trabalho de bermudas e sandálias...
Pode ficar excitada sem que ninguém perceba...
Pode fazer sexo quantas vezes quiser por dia...
Podem dormir com uma amiga sem ser chamada de lésbica...
É capaz de prestar atenção em várias coisas ao mesmo tempo...
Mulher de embaixador é embaixatriz; marido de embaixatriz não é nada...
Não é obrigada a usar sempre o mesmo modelo numa festa black-tie...
As indústrias de cosmética e da moda são 98%voltadas para elas...
Não se desespera em frente a um campo de grama com 1 bola e 22 mulheres...
Não precisa ser perfeita pra ouvir assobio na rua, basta pôr a saia mais curta...
É monogâmica! Só precisa testar vários homens pra achar um que valha a pena...
Mulher de presidente é Primeira-Dama; marido de presidenta é um zero à esquerda, mesmo que ele seja de direita...
O cérebro dá conta do mesmo serviço, mesmo com 3 bilhões de neurónios a menos,
ou seja, seus neurónios são mais eficientes...
Se resolve exercer profissão predominantemente masculina, é pioneira,
mas se um homem resolve exercer uma profissão tipicamente feminina, é bicha...
E por último: Faz tudo o que um homem faz, e de SALTO ALTO.
Quer mais??? Uau!!!!!!!!!!!!!!

publicado por LauraBM às 17:00
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Nov 04

caveira-dormirPC.jpg
Todo dia é dia...
Todo dia a mesma coisa, vida de Maria não é fácil.
Ligar o computador, conectar.
Fazer o café da manhã, alimentar a família, dar beijinhos de bom dia, ver o pessoal sair e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Lavar a louça do café e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Por roupa para lavar na máquina e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
É arrumar as camas e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Varrer ou passar o aspirador de pó E dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Passar pano no chão e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Tirar o pó e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Lavar banheiros e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Fazer o almoço e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Por a mesa para o almoço e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Servir o almoço, dar atenção para a família, vê-los sair de perto e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Tirar a mesa do almoço e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Lavar a louça do almoço e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Tarde livre... Preparar o jantar e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Pôr a mesa para o jantar e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Receber com sorriso de princesa o marido que chegou e enquanto ele vai para o chuveiro, dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Servir o jantar, dar atenção para a família e quando todos vão para a televisão, dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Tirar a mesa do jantar e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Lavar a louça do jantar e dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Um filho te chama, você o atende e depois dá um pulo para ver as mensagens no computador.
Nisso você lembra da roupa que ficou para estender no varal, você estende rápido e corre a dar um pulo para ver as mensagens no computador.
Todos vão dando, beijos de boa noite para dormir, você dá boa noite e depois dá um pulo para ver as mensagens no computador.
A roupa para passar... ficou para o dia seguinte, pois você teve que dar um pulo para ver as mensagens no computador.
O marido te chama para dormir...., você dá um pulo para ver as últimas mensagens no computador.
Dá boa noite prò lindinho e o desliga.
Você dorme, sonha....
sonha que está lendo mensagens no computador...
---------------------------
artigo recebido s/autoria

 

hehehehehehehe
Vou acabar como essa aí em cima!

publicado por LauraBM às 15:31
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

08
Nov 04

mulher_linda-ruiva.gifÉ bem conhecido que os muçulmanos fundamentalistas, terroristas em potencial, se opõem ao consumo de álcool e consideram pecado ver uma mulher pelada que não seja a sua.
Por isso, haverá um chamado para que na próxima sexta-feira, às dezassete horas, horário de Lisboa, todas as mulheres corram peladas em seus locais de trabalho, (bancos, repartições públicas, escolas, empresas privadas, etc.,) e todos os homens corram atrás delas com uma cerveja, ou outra bebida, na mão.

Isto nos ajudará a detectar os terroristas que porventura existam entre nós, a fim de capturá-los e deportá-los; aqueles que fizerem cara de nojo deverão ser presos imediatamente - depois a gente faz a triagem para separar as bichas.

O mundo livre e democrático agradece estes esforços na luta contra o terrorismo.
Esperamos a contribuição de todos. Obrigado !

OMDMMBBMMP (Organização Mundial em Defesa de um Mundo Melhor com Bastante Bebida e Muita Mulher Pelada.)

publicado por LauraBM às 17:19
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

05
Nov 04

mach.s.cozinha.jpg

Será esta

a ideia que

um homem faz

da liberdade feminina?

 

Quem sabe?

Vamos a votos?
------------

Laura

publicado por LauraBM às 17:53
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

: ,

10
Out 04

coracoes_namorados.gifHá pessoas que não sabem o que é o sorriso, trocam por uma lágrima.
Não sabem o que é um canto, trocam por um grito de agonia.
Não sabem o que é uma amizade, trocam pela antipatia.
Não sabem o que é o amor, trocam por um grande ódio.
Não sabem o que é a paz, trocam pela intriga.
Não sabem o que é a verdade, trocam por um mundo corrido de mentiras.
Não sabem o que é uma flor, uma árvore, uma paisagem.
E trocam-nas por uma poluição desenfreada
Não sabem o que é o diálogo, trancam-se dentro de si mesmas.
Não sabem o que é união, vivem isoladas.
Não sabem quem é Deus, trocam por superstições vazias.
Não sabem o que é a vida, e vivem trocando-a pela morte.
Todas estas trocas são feitas porque o mais cómodo tem caminhos mais fáceis.
Mas a verdade é uma só: lutar; servir e perseverar.
As trocas pelo mais cómodo, pelo mais fácil, não levam a lugar nenhum.
Pelo contrário: atrapalham, esvaziam, machucam e destroem.

publicado por LauraBM às 23:56
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Set 04

Se você tem mais de 40 anos você se lembra...
Você se lembra??? Sessão nostalgia.... Que saudade!!! Lindo demais!

Haaaaaaaaaaaaa, como me lembro!!!
Que saudades, tanta saudade!...
Tempinho bom... Só recordações gostosas e que não voltam mais!!!
Hummmm... como mexeu comigo esta música!!!!
Buááááááááááááááá..... sniff, sniff...

Bailesformatura_40anos.jpg Sons de músicas e rocks... palavras inocentes.
Lembranças...  Rebeldes... anjos, mas rebeldes... era como nós éramos naquela época...
Canções de protesto... mas de amor puro e verdadeiro... imagine:
“Sr. Carteiro, me entregue a carta do meu amor...” é o que diz a canção... Mr. Postman...
Era tão gostoso, dançar de rosto colado ouvindo: “Je t'aime moi non plus” quase sem sair do lugar... grudado no chão... corpo colado...
Entre suspiros e beijos “roubados”, eram “roubados” de verdade... a gente queria dar o beijo, mas sempre fingia que não...
E aquela inocência dos primeiros toques... um arrepio na espinha... Rosto vermelho de extremo pudor... não sabia como disfarçar... sentindo tudo e querendo tudo, mas sem se entregar...
Que roupa colocar? Um apropriado ”Inferno de Dante”.
Batom...perfume...sapato alto... vestido vermelho...que lindos! A gente ficava linda mesmo.
Eram os “bailes de formatura, “bailes de 15 anos”, os “mingaus” aos domingos, fumar escondido... tomar “hi-fi”, “cuba libre”... disco novo dos Beatles... uma disputa colossal... saber todas as músicas de cor... aprender inglês...
todo mundo tinha uma “banda”, todo mundo tocava violão... faziam-se versos...namorava-se... olhares de soslaio... nada de “encarar”... subtilmente dizendo “eu quero”...  e “eles” sabiam muito bem como chegar... não sei como é que faziam... sempre me intrigou isso... mas era uma química, uma fusão de sentimentos... na verdade, uma explosão deles.

E aí... nos bailes... tinha aquela história de “tirar a menina para dançar”... e era um “vexame” ficar sentada...
Luz que girava... Luz Negra... e se não se tomasse cuidado... ficava aparecendo tudo... calcinha e soutien... um horror!... Vi muitas meninas terem de ir para casa para se trocar...
Roupas coloridas, todos de cabelos compridos, meninos e meninas, de costas não se sabia quem era quem... o símbolo de V nos colares, anéis, brincos e qualquer tipo de enfeites ou bugigangas... Paz e Amor!
Dançar sozinhos... separados “Sugar, Sugar”... voltar à pé para casa, suados, cansados... com os sapatos nas mãos... todos...

Encher o quarto de fotos dos artistas preferidos...
ter um caderno de perguntas e respostas... era tão engraçadas as perguntas... muito melhores eram as respostas... Todas as meninas tinham um... e tinham também os “códigos”... a gente inventava... só para ninguém saber, se por acaso caísse em "mãos erradas", que normalmente era a mãe da gente.
Ler romances... roubar as “revistinhas indecentes” dos irmãos mais velhos...
Andar de ónibus... sentar na janelinha, ou no último banco, só porque pulava pra caramba!
naquela época quase ninguém tinha carro)...
Ir ao cinema aos sábados e não ter o dinheiro da passagem de volta porque gastou no “drops Dulcora” ou na caixinha de “Chocolate com passas ao rum ...
Assistir aos filmes de Jerry Lewis ou do 007...
Dar risada de todo mundo na rua, no cinema... na escola... rir o tempo todo...
Assistir sessão da tarde... Preocupações??? Quais???
Um dia...uma notícia dada na TV:
“O mundo vai acabar”! Olhamos uns para os outros e sabe o que a gente fez?
Foi prà rua jogar voleibol... no meio da rua... sim, no meio da rua... era onde podíamos sempre jogar... nada de carros...
E sabe o que aconteceu???
O mundo não acabou, nem aquele dia, nem quando passou o ano 2.000.
O que talvez tenha acabado foi a inocência... a irreverência sem maldade... a rebeldia comportada... porque tudo aquilo era o jeito de sermos felizes...
Lembranças que só tem quem viveu isso tudo é quem pode sentir e saber, o que é dançar ao som de “I wanna hold your hand”.
Ai que saudades!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
------------------------------------------------
11/08/2004
artigo recebido por repasse, via Internet  (s/autoria)

publicado por LauraBM às 17:24
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Ago 04

mar_azulclaro.jpg Maravilhoso......
Quantas vezes precisamos destes momentos...

Por um momento apenas...

"...Quero um pedacinho de tempo para poder descansar esse peso do mundo que estou sentindo em meus ombros ...
Um tempo onde não me perguntem nada, nem me peçam nada, apenas me permitam o direito de dar vazão ao pranto que venho engolindo com o café-da-manhã, enquanto visto a máscara de "olhem como sou valente e forte"....
Quero ser a criança que pode chorar livremente até que me ponham no colo, restabelecendo assim, o equilíbrio que necessito para dormir em paz.
Quero me aventurar na busca dos sonhos, sem ter que vê-los pintados com as cores do desânimo, ou coloridos com as cores do impossível...
e quero poder brincar com meus sonhos como se fossem massinha de modelar ilusões; lambuzar neles os meus dedos, até decidir quando precisam se desfazer.
Quero ter companheirismo também nas horas em que tudo parece ter se perdido, e encontrar apenas um ombro onde possa repousar meu cansaço, um ombro que seja silêncio e carinho.
Quero deixar que me invada toda a dor do mundo neste instante, porque ela é minha, real e única, e que como tal seja aceite e compreendida... mesmo que eu ainda não saiba lidar com ela...
E quero poder dizer : - Está doendo sim!
Sem assustar ninguém, causando uma revolução tão grande que meu mundo pareça ainda mais desabitado. Seria possível?
Daqui a pouco tudo vai parecer diferente e novo, eu sei.
Vou secar os olhos, vou à luta outra vez e da dor hei-de ressurgir mais forte ...
Porque sou noventa e nove porcento matéria que dificilmente se desintegra.
Então, por favor, por um momento apenas, neste meu pequeno momento humano, neste "por cento" de fragilidade, quero ser igual a todo mundo e chorar."
-----------------
(Marina Amorim)

publicado por LauraBM às 01:32
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Ago 04

mulher_cozinha.jpg "Uma mulher chamada Anne foi renovar a sua carteira de motorista.
Pediram-lhe para informar qual era a sua profissão. Ela hesitou, sem saber bem como se classificar.
"O que eu pergunto é se tem um trabalho", insistiu o funcionário.
"Claro que tenho um trabalho", exclamou Anne. "Sou mãe."
"Nós não consideramos 'mãe' um trabalho. 'Dona de casa' dá para isso", disse o funcionário friamente.

Não voltei a lembrar-me desta história até o dia em que me encontrei em situação idêntica.
A pessoa que me atendeu era obviamente uma funcionária de carreira, segura, eficiente, dona de um título sonante, do género 'oficial inquiridor'.
"Qual é a sua ocupação?" perguntou.
Não sei o que me fez dizer isto; as palavras simplesmente saltaram-me da boca para fora:
"Sou Pesquisadora Associada no Campo do Desenvolvimento Infantil e das Relações Humanas."
A funcionária fez uma pausa, a caneta de tinta permanente a apontar para o ar, e olhou-me como quem diz que não ouviu bem.
Eu repeti pausadamente, enfatizando as palavras mais significativas.
Então reparei, maravilhada, como ela ia escrevendo, com tinta preta, no questionário oficial.
"Posso perguntar", disse-me ela com novo interesse, "o que faz exactamente nesse campo?"
Calmamente, sem qualquer traço de agitação na voz, ouvi-me a responder:
"Tenho um programa permanente de pesquisa (qualquer mãe o tem), em laboratório e no terreno (normalmente eu teria dito dentro e fora de casa). Trabalho para os meus Mestres (toda a família), e já passei quatro provas (todas meninas). Claro que o trabalho é um dos mais exigentes da área das humanidades (alguma mulher discorda???) e frequentemente trabalho 14 horas por dia (para não dizer 24...).
Houve um crescente tom de respeito na voz da funcionária que acabou de preencher o formulário, levantou-se, e pessoalmente abriu-me a porta.
Quando cheguei a casa, com o trofeu da minha nova carreira erguido, fui cumprimentada pelas minhas assistentes de laboratório - de 13, 7 e 3 anos. Do andar de cima, pude ouvir a minha nova modelo experimental (uma bebé de seis meses) do programa de desenvolvimento infantil, testando uma nova tonalidade da voz.
Senti-me triunfante!Tinha conseguido derrotar a burocracia!
E fiquei no registo do departamento oficial como alguém mais diferenciado e indispensável à humanidade do que "uma simples mãe"!

Maternidade... Que carreira gloriosa!
Especialmente quando se tem um título na porta.
Assim deviam fazer todas as mulheres!
E as avós: "Associada Sénior de Pesquisa no Terreno para o Desenvolvimento Infantil e de Relações Humanas".
E as bisavós: "Executiva-associada Sénior de Pesquisa". Eu acho!!!
E também acho que para as tias podia ser "Assistentes associadas de Pesquisa"."

publicado por LauraBM às 17:23
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

02
Ago 04

mulheraovolante.jpgSão 7h.
O despertador canta de galo e eu não tenho forças nem para atirá-lo contra a parede.
Estou tão cansada, não queria ter que trabalhar hoje.
Quero ficar em casa, cozinhando, ouvindo música, cantarolando, até.
Se tivesse filhos, gastaria a manhã brincando com eles, se tivesse cachorro , passeando pelas redondezas.
Aquário? Olhando os peixinhos nadarem.
Espaço? Fazendo alongamento.
Leite condensado? Brigadeiro...

Tudo menos sair da cama, engatar uma primeira e colocar o cérebro pra funcionar.

Gostaria de saber quem foi a mentecapta, a matriz das feministas que teve a infeliz ideia de reivindicar direitos à mulher e por que ela fez isso connosco, que nascemos depois dela.
Estava tudo tão bom no tempo das nossas avós...
elas passavam o dia a bordar, trocar receitas com as amigas, ensinando-se mutuamente segredos de molhos e temperos, de remédios caseiros, lendo bons livres das bibliotecas dos maridos, decorando a casa, podando arvores, plantando flores, colhendo legumes das hortas, educando as crianças, frequentando saraus, a vida era um grande curso de artesanato, medicina alternativa e culinária.

Aí, vem uma fulaninha qualquer que não gostava de sutiã, nem tão pouco de espartilho, e contamina várias outras rebeldes inconsequentes com ideias mirabolantes sobre "vamos conquistar o nosso espaço".
Que espaço, minha filha?
Você já tinha a casa inteira, o bairro todo, o mundo ao seus pés. Detinha o domínio completo sobre os homens, eles dependiam de você para comer, vestir, e se exibir para os amigos, que raio de direitos requerer?

Agora eles estão aí, todos confusos, não sabem mais que papéis desempenhar na sociedade, fugindo de nós como o diabo da cruz.
Essa brincadeira de vocês acabou é nos enchendo de deveres, isso sim. E nos lançando no calabouço da solteirice aguda.
Antigamente, os casamentos duravam para sempre, tripla jornada era coisa do Bernard do vôlei - e olhe lá, porque naquela época não existia Bernard do vôlei.

Por quê, me digam por quê um sexo que tinha tudo do bom e do melhor, que só precisava ser frágil, foi se meter a competir com o macharedo?
Olha o tamanho dos bíceps deles, e olha o tamanho dos nossos!
Tava na cara que isso não ia dar certo!

Não aguento mais ser obrigada ao ritual diário de fazer escova, maquiar, passar hidratantes, escolher que roupa vestir, e que sapatos, acessórios usar.
Que perfume combina com meu humor, tendo que sair correndo, ficar engarrafada, correr risco de ser assaltada, de morrer atropelada, passar o dia erecta na frente do computador, com o telefone no ouvido, resolvendo problemas?
Somos fiscalizadas e cobradas por nós mesmas a estar sempre em forma, sem estrias, depiladas, sorridentes, cheirosas, unhas feitas, sem falar no currículo impecável, recheado de mestrados, doutorados, e especificações (uffffffffff!!!!!!!)...

Viramos super mulheres, continuamos a ganhar menos do que eles!
Não era muito melhor ter ficado fazendo tricô na cadeira de balanço?

Chega, eu quero alguém que pague as minhas contas, abra a porta para eu passar, puxe a cadeira para eu sentar, me mande flores com cartões cheios de poesia, faça serenatas na minha janela (ai, meu Deus, já são 7:30h, tenho que levantar!), e tem mais: que chegue do trabalho, sente no meu sofá, coloque os pés pra cima e diga "meu bem, me traz uma dose de whisky, por favor?".

Descobri que nasci para servir.
Vocês pensam que eu tou ironizando? Tou falando sério!
Estou abdicando do meu posto de mulher moderna......
Troco pelo de Amélia.
Alguém se habilita?
-----------------------------------------------------
artigo recebido por repasses, via Internet,(s/autoria)

publicado por LauraBM às 18:12
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

01
Ago 04

mulher_shiu.jpgSou a que te acompanhou no outro dia de tua formatura, pró resto da vida.
Sou aquela que usava Lee americana número 28 e ainda ficava folgada.
Aquela que roubou o saleiro do restaurante e se assustou quando o garçom veio dar o troco.
A que estudava e namorava em dias inteiros, mesmo sendo de anos diferentes.
A que só acampou uma vez, pra nunca mais, pois gostava de não fazer nada.
Sou a que tomou um porre com duas cervejas, cantou no Pátio de São Pedro, e foi aplaudida.
A que acompanhava a pescar e nunca disse o quanto detestava isso.
A que nunca soube jogar xadrez e que desistiu de tanto tentar.
A dos biquinis mais biquinininhos do mundo, sabendo que isso te matava de raiva.
Sou a que acordava nas madrugadas porque estava com frio, e pedia para me cobrires.
Sou a que, mesmo morrendo de sono, acordava pra fazer teu jantar.
A que deixava bilhetes com batom no espelho do banheiro.
A que subia na mesa pra cantar, sabendo-te por perto pra me defender.
A que tomava gin tónica pra ninguém notar que havia bebido.
Sou aquela de mini-saia e blusa de frente única.
Que usava brincos enormes comprados nas feiras hippies.
Que se equilibrava nos sapatos de saltos escandalosos para tentar ficar de tua altura.
A que casou de vestido de noiva cor de salmão, deixando a família sem saber o que dizer.
Sou a que correu da polícia de salto alto gritando contra a ditadura.
A que subia nas ladeiras de Olinda pra namorar ao por do sol.
A normalista que tinha todos os sonhos do mundo.
Que colocava Guevara na parede da casa de praia do Guarujá.
Que sonhava ser musa do Godard.
Que colocava a família no sofá esperando os dois segundos de fala que aparecia na TV.
Sou a que cozinha tomando vinho, enquanto telefona para Recife, escutando BB King.
Que escutava Chico Buarque, enquanto esperava a hora de namorar.
Sou a que chorou em Chorus Line e riu no Fantasma da Ópera.
A que se emociona com bobagens.
Que dormia no teatro e acordou com Cacilda Lanuza pegando a sua mão.
A que dormiu no chão de um quarto e sala enquanto esperava a mobília.
Sou a que renasceu com todos os amigos e celebrou cada minuto de sua vida.
A que lançou um livro e escutou do filho "mais uma loucura de minha mãe".
-------------
Rosa Pena

==================

Comentário:
Sei que este tem muitos nomes brasileiros, a cronista é brasileira.
Sei que não é igual para todas as mulheres. Há diferenças que facilmente entendemos e poderemos adaptar a nós mesmas; mas o sentido é igual para todas nós.
É uma retrospectiva de vida, passadas as ilusões, na entrada da meia idade.
Quanto fizemos e deixámos de fazer? Quantas loucuras? Valeu a pena? Podemos relembrar e rir de nós mesmas?
Se assim for, podemos levantar a cabeça bem alto, erguer os ombros e dizer ao companheiro:
Shiu! Calado!
Lembras-te daquela que amaste e porque amaste?
Sou eu!
--------------
Laura B. Martins

publicado por LauraBM às 18:53
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

07
Jul 04

Tributo a um grande cantor - O cantor da minha juventude!
Laura


RobertoCarlos_saudades.jpg

"Nem mesmo o céu, nem as estrelas, nem mesmo o mar e o infinito,
não é maior que o meu amor, nem mais bonito..."
Roberto Carlos

publicado por LauraBM às 15:33
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

04
Jul 04

A mulher não é ela. É o clima dela!
(uma maravilha de um homem que sabe o que quer)

rostomulher_clima.gif Melhor do que perfumes é o cheirinho de banho recente que se descobre no cabelo e na nuca ou de capim cheiroso espalhado no armário e herdado pela blusa ou camisola.
Nada de voz aguda. Um tom de médio para grave é preferível.
Uma gota de rouquidão incentiva.
Nada de perfeições!
Nem de corpo, nem de inteligência e espírito.
Só de carácter. Mulher mau carácter é tão raro quanto repulsivo.
O importante é mesmo ter algo de errado no corpo ou no rosto, atraentes.
Certos pequenos erros acentuam traços ou detalhes que, isolados, crescem muito e ganham no todo.
O lábio um pouco mais grosso, seios com bicos estrábicos, o nariz um pouco maior do que ela desejaria, tudo isso aquece a atracção.
Carinho tem hora.
Não hora marcada, mas hora adivinhada. Carinho fora de hora, eriça.
Olhar de uma tristeza tão antiga quanto encarnações é forte factor de atracção.
Lágrimas a postos. Sempre.
Por favor, nenhuma bronca com barriguinha ou descuido nosso.
Nada de exigências ascéticas, dietéticas, apologéticas ou ideológicas.
Mulher que atrai e mantém o seu homem é a que gosta mais de alguns defeitos dele do que de uma perfeição idealizada ou basbaque certinho demais. Mas honradez ele deve ter...
Mulher deve falar como quem insinua em vez de ordenar.
Pedir como quem ajuda, saber esperar.
E não pode ficar falando "eu acho" toda hora, nem descuidar-se das unhas dos pés.
Pudor é essencial. Mas um pudor velado, revelado apenas na linguagem subtil mas eloquente de seu corpo, no modo de se encolher na cadeira ou cruzar os pés.
Rebolados, só os muito suaves e discretos. Mas evidentes. Ser friorenta é indispensável.
Se for possível, preferir o silêncio - entre reclamar e reivindicar, salvo quanto tenha muita razão - melhor ainda. Se não for assim, que venha a bronca, mas com mansidão.
E depois não permaneça a resmungar.
Que ame beijar.
Aprecie e valorize gentileza e adore ser deixada cruzar a porta na frente.
Pisar firme, mas leve.
Mulher não deve chegar, deve aparecer.
Não deve entrar, deve aproximar-se.
Não deve mastigar, deve diluir.
Não deve engolir, deve sorver.
E por favor, cuspir, jamais. Só no consultório dentário.
Ar de brincadeira antes de amar é receita infalível.
E dormir o mais encolhidinha possível e depois acordar solta, confiante no sono.
Em viagens, é essencial cuidar da gente.
E guardar sempre uma surpresa para ser dada de repente.
Sim, ser bela nada tem com ser bonita.
É muito mais.
Porque a mulher não é apenas ela.
É também o clima dela.
----------------------
Artur da Távola

publicado por LauraBM às 23:02
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

01
Jul 04

casal_cama.jpg"Durante muitos anos esperamos encontrar alguém que nos compreenda,

alguém que nos aceite como somos, capaz de nos oferecer felicidade apesar das duras provas.
Apenas ontem descobri que, esse mágico alguém, é
o rosto que vemos no espelho."
---------------
Richard Bach)

publicado por LauraBM às 17:30
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

02
Jun 04

mulher-rosto-saudades.jpg Ando com saudades de café com pão, de namorados dando beijinhos no portão, de pedir bênção a pai e mãe, (Deus te abençoe), do sinal da cruz que fazia quando passava na frente da igreja, de ver um varal cheio de roupa com cheiro apenas de sabão, de ver alguém sorrindo enquanto lava a louça com bucha vegetal, de sentir respeito pela policia, de cantar o hino Nacional com mão no peito e lágrimas nos olhos, de acreditar que o Brasil ganhou a Copa do Mundo porque jogou direito, de saber que o Zezinho filho do porteiro não vai morrer de dengue e que Maria feirante poderá ter um filho médico.

Saudades de homens que usavam apenas o assobio como galanteio. Fiu-fiu!

Morro de saudades do tempo em que um presidente de uma nação era o mais respeitado cidadão do país. Que cadeia era lugar só de ladrão.
Acho que andaram invertendo a situação.

Ando com saudades de galinha de galinheiro, de macarrão feito em casa com tempero sem agrotóxico, de só poder tomar guaraná em dia de festa, de homens de gravatas, de novela com final feliz, de pipoca doce de pipoqueiro, de dar bom dia à vizinha, de ouvir alguém dizer obrigado ao motorista e ele frear devagarinho preocupado com o passageiro.

Saudades de gritar que a porta está aberta para os que chegam. Um saco destrancar tanto papaiz.

Saudades do tempo em que educação não era confundida com autenticidade. Hoje se fala o que quer, em nome de uma "tal" verdade e pedir perdão virou raridade.

Ando com saudades de ver no céu pipas não atingidas pelo efeito estufa.
Saudades das chuvas sem acidez, que não causavam aridez.
Saudades de poder viajar sem medo de homem bomba, de ser recebida com pompa em outra nação.
Actualmente reina a desconfiança no coração.

Sinto muitas saudades do rubor das faces de minha mãe, quando se falava de sexo totalmente sem nexo.
Hoje ele é tão banal que até eu banalizei.

Acho que a maior saudade que tenho é a saudade de tudo que acreditei.

Para minha filha não poderei deixar sequer a esperança.
Hoje já não se nasce criança.
--------------------
Rosa Pena
Rio, 27 de abril de 2004

publicado por LauraBM às 17:06
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

08
Mai 04

DiaIntern.mulher.gif
Alma de Mulher...

Nada mais contraditório do que "ser mulher"...
Mulher que pensa com o coração, age pela emoção e vence pelo amor.
Que vive milhões de emoções num só dia e transmite cada uma delas, num único olhar.
Que cobra de si a perfeição e vive arrumando desculpas para os erros daqueles a quem ama.
Que hospeda no ventre outras almas,
dá à luz e depois fica cega, diante da beleza dos filhos que gerou.
Que dá as asas e ensina a voar,
mas não quer ver partir os pássaros mesmo sabendo que eles não lhe pertencem.
Que se enfeita toda e perfuma o leito, ainda que o seu amor nem perceba mais tais detalhes.
Que como uma feiticeira transforma em luz e sorriso as dores que sente na alma, só pra ninguém notar.
E ainda tem que ser forte, para dar os ombros para quem neles precisa chorar.
Feliz do homem que por um dia soube, entender a alma da mulher!

Dia Internacional das Mulheres!

publicado por LauraBM às 00:05
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

20
Abr 04

mulher_cozinheira.jpgMas que vida de Maria tenho eu. Já estou danada!
Os animais e a família sempre na rua. Eu fechada!

Saem logo de manhã, voltam ao anoitecer.
O gato, ao meio dia vem à procura de comer.

Fiz um jantar tão gostosa pra agradar ao pessoal.
E o futebol foram ver!? Também não lhes levo a mal!

Fiquei só, mais os meus bichos, sentadinha a ver TV.
Comerão tudo amanhã. Requentado, já se vê!

Porque, aqui, não é hotel; embora, co'a barafunda,
pareça estação de metro e com ela se confunda.

Fins de semana!... Que horror! Feriados? Podem crer
que a coisa ainda piora; e eu ando sempre a correr.

É a guerra das panelas; preparo almoço... jantar...
uma ou outra doçaria... Nem dá para passear!

Afinal, pensando bem... Mais me vale estar sozinha!
Tenho mais o que fazer... que ser escrava da cozinha!
-------------------------
11/04/2004
Laura B. Martins
Soc. Port. Autores n.º 20958

publicado por LauraBM às 00:28
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Abr 04

Maria_mulhersexishop.gifEu sou Maria...
igual a tantas, desconhecida,
com todas elas sou parecida...
pele trigueira, sou brasileira,
sou faladeira, trabalhadeira,
mãe de família, sou cozinheira,
arrumadeira, sou lavadeira, sou passadeira,

"economista", malabarista,
equilibrista, eu sou artista
da corda bamba!!
se tem problema, se falta grana,
sou eu quem samba...

sou professora, sou assessora,
sou conselheira, sou enfermeira,
eu "encho o saco", "pego no pé",
eu sou "um porre"
saca o que é? pois é...

eu sou mulher... eu sou Maria de-todo-dia,
eu sou Raimunda, boa de bunda
eu sou Judite, com celulite,
eu sou Joana, boa de cama...
não tenho tempo pra me grilar
sou a rainha, a soberana,
deste meu lar...

vivo correndo, prá lá e prá cá,
sou sacoleira, nas horas vagas
sou bagulheira, faço docinhos,
pinto potinhos, bem ajeitados,
faço até unhas por uns trocados,
sabe como é ? Pois é...

eu sou mulher... mas não me iludo,
eu sou guerreira, se não me cuido,
marco bobeira!!
bem humorada, jamais grilada,
sem TPM... sempre excitada!!
uma escultura idealizada...

minha alma finge sou uma esfinge
sou uma deusa, sou sacrossanta,
também sou puta, sou uma "anta"!!
assim sou eu, pra quem quiser...
multimistura, eu sou mulher!!!
----------------------------
Maria Sylvia (Carolin@)

publicado por LauraBM às 16:54
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Mar 04

Não há pachorra, pô!!!!!!! rsssss
oracaodasmulheres.jpg

publicado por LauraBM às 17:01
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

08
Mar 04

diadefaxina.gifQuem me dera!!!!!!!    hahahaha

publicado por LauraBM às 00:19
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

07
Mar 04

mulhergorda_balanca.JPG

publicado por LauraBM às 00:17
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

02
Mar 04

Tecnologia.jpg

publicado por LauraBM às 23:22
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

25
Fev 04

tabaco-cigarro-download.gif

Valerá mesmo a pena?

publicado por LauraBM às 22:52
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

: ,

23
Fev 04

Eu_aprendi-castanho.gif 

Que não posso exigir o amor de ninguém. Posso apenas mostrar boas razões para que gostem de mim e ter paciência para que a vida faça o resto.
Que por mais que você corte o pão em fatias, esse pão continua tendo duas faces, e o mesmo vale para tudo o que cortamos de nosso caminho.
Que os heróis são pessoas que fazem o que acham que devem fazer naquele momento, independentemente do medo que sentem.
Que jamais  posso dizer a uma criança que seus sonhos são impossíveis. Será uma tragédia para o mundo se eu conseguir convencê-la disso.
Que não importa quanto o meu coração esteja sofrendo, o mundo não vai parar por causa disso.
Que as circunstâncias da minha infância são responsáveis pelo que eu sou; mas não pelas escolhas que fiz, quando adulto.
Que numa briga, eu preciso escolher de que lado estou, mesmo quando não quero me envolver.
Que é difícil traçar uma linha entre ser gentil, não ferir pessoas, e saber lutar por tudo aquilo em que  acredito.
Que todo mundo quer viver no topo da montanha, mas que a felicidade e o crescimento estão na escalada.
Que é melhor dar conselho somente em duas circunstâncias: quando for pedido e quando for uma questão de vida ou morte.
Que minha existência pode mudar para sempre e em poucas horas, por causa de gente que nunca vi antes.
Que umas simples voltas no quarteirão com meu pai, nas noites quentes de verão, quando eu era criança fez maravilhas em mim quando fiquei adulto.
Que vai demorar muito para me transformar na pessoa que quero ser, e devo ter paciência; mas posso ir além dos limites que eu próprio coloquei.
Que a melhor escola do mundo está na cabeça dos mais velhos.
Que quando se está apaixonado não dá para esconder.
Que quando duas pessoas discutem não significa que elas se odeiem.
Que quando  duas pessoas não discutem não significa que elas se amem.
Que ninguém é perfeito até que eu me apaixone.
O coração que magoamos é como a folha de papel amachucado. Jamais voltará ao normal.
Que certas pessoas vão embora de qualquer maneira; quer eu queira ou não.
Que se apenas uma pessoa me disser «Você fez-me ganhar o dia!», o meu dia está ganho.
Que ter uma criança adormecendo nos meus braços é uma das maiores sensações de paz do mundo.
Que nunca se deve dizer "não" ao presente de uma criança.
Que quando seu bebê segura forte seu dedo mendinho, você foi fisgado para a vida toda.
Que ser generoso é mais importante do que estar certo.
Que eu posso ficar furioso, tenho o direito de me irritar, mas não tenho o direito de ser cruel.
Que posso fazer algo em um minuto e ter que responder por isso o resto da minha vida.
Que eu sempre posso rezar por uma pessoa quando não tenho condições de ajudá-la doutra forma.
Que não importa quão sério a vida me obrigue ser, todo mundo precisa de um amigo para brincar.
Que às vezes tudo que uma pessoa precisa é uma mão para segurar e um coração para entendê-la.
Que a vida é como um rolo de papel-higiénico. Quanto mais perto do fim, mais depressa passa.
Que devemos estar contentes por Deus por não nos ter dado tudo que pedimos.
Que o dinheiro não compra a elegância.
Que diplomas na parede não me fazem mais respeitável ou mais sábio.
Que são aqueles pequenos acontecimentos diários que fazem a vida tão espectacular.
Que debaixo de uma couraça tem sempre alguém precisando de reconhecimento e amor.
Que Deus não fez tudo num dia. O que me faz pensar que eu posso?
Que ignorar os fatos não muda a importância deles.
Que quando nos queremos vingar de alguém, apenas estamos deixando que a raiva se acumule.
Que eu preciso escolher entre controlar meus pensamentos ou de ser controlada por eles.
Que o amor, e não o tempo, cura todas as feridas.
Que o jeito mais fácil de crescer como pessoa é cercar-me de pessoas melhores que eu.
Que a vida é dura, mas que eu sou mais duro (de roer).
Que as oportunidade não se perdem; alguém vai pegar as que eu perdi.
Que eu gostaria de ter dito mais uma vez a meu pai que eu o amo antes dele morrer.
Que se devem usar palavras suaves e macias porque talvez, amanhã, tenhamos que engoli-las.
Que não posso escolher como me sinto, mas que posso escolher como reagir a isso.
Que quanto menos tempo eu gastar fazendo uma coisa, mais coisas eu faço.
Que quando se cultivam tristezas, a felicidade vai bater noutro lugar.
Que todas as pessoas que encontramos merecem ser recebidas com um sorriso.
Que um sorriso é a forma mais barata para se melhorar o visual.
Mas... será que aprendi?
-------------------
William Shakespeare

publicado por LauraBM às 23:54
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

: ,

20
Fev 04

bar.-menina-flores.jpg
Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO,
mesmo eu sabendo que as rosas não falam.
Que eu não perca o OTIMISMO,
mesmo sabendo que o futuro que nos espera não é assim tão alegre.
Que eu não perca a VONTADE DE VIVER,
mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos, dolorosa...
Que eu não perca a vontade de TER GRANDES AMIGOS,
mesmo sabendo que, com as voltas do mundo,
eles acabam indo embora de nossas vidas...
Que eu não perca a vontade de AJUDAR AS PESSOAS,
mesmo sabendo que muitas delas são incapazes de ver,
reconhecer e retribuir esta ajuda.
Que eu não perca o EQUILÍBRIO,
mesmo sabendo que inúmeras forças querem que eu caia.
Que eu não perca a VONTADE DE AMAR,
mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo,
pode não sentir o mesmo sentimento por mim...
Que eu não perca a LUZ e o BRILHO NO OLHAR,
mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo,
escurecerão meus olhos...
Que eu não perca a GENICA,
mesmo sabendo que a derrota e a perda
são dois adversários extremamente perigosos.
Que eu não perca a RAZÃO,
mesmo sabendo que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas.
Que eu não perca o SENTIMENTO DE JUSTIÇA,
mesmo sabendo que o prejudicado possa ser eu.
Que eu não perca o meu FORTE ABRAÇO,
mesmo sabendo que um dia meus braços estarão fracos...
Que eu não perca a BELEZA E A ALEGRIA DE VER,
mesmo sabendo que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos
e escorrerão por minha alma...
Que eu não perca o AMOR POR MINHA FAMÍLIA,
mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigirá esforços incríveis
para manter a sua harmonia.
Que eu não perca a vontade de DOAR ESTE ENORME AMOR
que existe em meu coração, mesmo sabendo que
muitas vezes ele será submetido e até rejeitado.
Que eu não perca a vontade de SER GRANDE,
mesmo sabendo que o mundo é pequeno.
E, acima de tudo...
Que eu jamais me esqueça que DEUS ME AMA INFINITAMENTE,
e que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um
é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois...
A VIDA É CONSTRUÍDA NOS SONHOS E CONCRETIZADA NO AMOR!

Amorosamente,
Francisco Cândido Xavier.

publicado por LauraBM às 16:25
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

15
Fev 04

Acorda_menina_peq.gif
Acorda menina, vem cá!!!
Você já conhece esse meu jeito
De chamar pra vida, né?
Pra brigar pelo seu dia como ele merece.
Um dia passa rápido, num piscar de olhos
E é um tempo precioso demais para se perder.
Como se fosse um dia qualquer...

Acorda, menina ... menino.
Tem que ser assim.
A vida não pega ninguém pela mão e sai por aí
Transformando caminhos difíceis e tortuosos
Em passeios agradáveis.
Quantas vezes você ganha colo
Pra chorar as sua mágoas??
Ou um ouvido paciente
Pra escutar os seus lamentos??

Não desanime, não, achando que só você
Conhece a Solidão...
As Crises... As Dificuldades...
Olhe em volta e acorda.
Acorda porque o último instante
Da madrugada escura
É aquele que puxa o brilho da manhã.
E essa manhã bonita e ensolarada
Nascerá pra você,
Desde que você acorde.

Acorde a tempo de fazer amigos
E descobrir que você é capaz de amar...
Amar (quem sabe?) quem está ai ao seu lado
Nesse instante!!
Dá um sorriso,
dá um sorriso pra quem se esqueceu
Como faz isso.

Anda, observa, conversa, sorria, chore,
Só não vale se entregar...
Quem se entrega, cedo ou tarde descobre
Que não é legal.
Acorda com coragem
Pois a coragem é a grande aliada do ser humano.
No momento em que se arrisca, e arrisca tudo,
Você começa a ser um vencedor.
E a vida é muito maior e melhor do que parece.

Depende só de você!!

================
Texto: Vivi De Marco

publicado por LauraBM às 14:05
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

10
Fev 04

tabaco-imag.palavras.gif

publicado por LauraBM às 22:58
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

05
Fev 04
    11/2002

LauraLASA11_2003.jpg

Meu Poema de Apresentação:

Escrevo... Danço... EU SOU:

Espírito jovem, romântica, enlouquecida!
Alma que expande, para além da própria vida!
É na poesia, que transcende o sofrimento,
que eu sempre encontro para a dor o linimento!

Escrevo poemas com música de fundo.
Escrevo o que sinto, fecho os olhos ao mundo.
Escrevo em silêncio, na paz da minha casa ...
e de manhã, enquanto a lida atrasa.

Não escreverei poesia rebuscada!
(parecendo em dicionário pesquisada)
Os meus poemas são pra toda a gente,
como guitarra chorando, plangente!

A minha escrita, lida e interpretada,
mostra a poeta, sofrendo angustiada,
expondo-se ao outros; facilmente entendível.
Aos vossos pés, prostrando-se, acessível.

Noutros momentos, horas de alegria...
esquecido o que passou, era outro dia...
Quando a vida volta a ser uma festa...
Então dancemos, ao som da minha orquestra!...

-------------------

11/2001

Laura B. Martins

Soc.Port.Autores nº20958

publicado por LauraBM às 15:34
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

03
Fev 04

Banner-Kimba-c.estrelas.gif
E com esta homenagem póstuma ao meu amigo de 4 patas - KIMBA,
que viveu comigo 10 inesquecíveis anos, de 07/02/1991 a 17/05/2001.
dou início ao meu Blog pessoal.
Laura

publicado por LauraBM às 21:36
*TAGS = Temas deste Blog - (Clique em cima) -

:

R O D A P É

TELEFONES S.O.S.

"Vítimas de violência"

Números nacionais:
- SOS Mulher 808 200 175 (Linha Azul)
- Informação Mulher Vítima de Violência: 800 202 148
- Solidariedade à Mulher : 808 202 710

Lisboa:
- APAV, Associação Portuguesa de Apoio à Vítima: 21 888 4732
- Solidariedade à Mulher : 808 202 710
- UMAR (União de Mulheres Alternativa e Resposta):

Rua de São Lázaro, 111 - 1.º Dto. Telefone: +351 1 886 79 86 - Fax: +351 1 886 70 90

Coimbra:
- S.O.S. Mulher/ Fundação Bissaya Barreto: 239 832073
- APAV, Associação Portuguesa de Apoio à Vítima: 239 702363 - www.apav.pt

Sintra:
- Informação à Mulher: 21 916 1404

Açores:

- SOS Mulher Angra do Heroísmo

- Rua Álvaro Martins Homem, 12 - 9700 - 017 Angra do Heroísmo - Telefone: 295 217860 Fax: 295 217 837

Ponta Delgada - 296 283221
- UMAR (União de Mulheres Alternativa e Resposta):

Ponta Delgada - Rua de São João, 33 A - 2º 9500 - 107 Ponta Delgada Telefone/Fax: 296 283 221

"Gravidez e Planeamento Familiar"
- Solidariedade à Mulher/Gravidez não desejada: 808 202 710
- Lisboa - S.O.S. Grávida/ informação e apoio: 21 395 2143
- Lisboa - Despedimentos por Gravidez: 21 796 4027

"Suicídio"
- Telefone da Amizade - Angústia, solidão e prevenção suicídio: 800 205 535

Lisboa - Centro S.O.S. - Voz Amiga: 21 3544 545 - Das 16h às 07 horas

Ajuda na solidão, angústia, desespero e prevenção do suicídio.
Viseu - Telefone S.O.S. Palavra Amiga das 21h à 1 hora (032) 424282
Coimbra - Telefone S.O.S. Telefone Amigo das 16h à 1 hora: (039) 721010 - Prevenção do suicídio

arquivos
comentários recentes
Gina, e João,Agradeço-lhes os comentários. Também ...
Sente-se um E T por não estar nas redes sociais?...
Oi João, como você, identifiquei-me com a crônica ...
Oi Laura, estava procurando um site para correspon...
Genial!!!Se quiser dar uma olhada no meu blog seri...
Pois, Daiana, também acho que todas deveríamos imp...
Aaaah quero uma camisa dessas kkk
Olá! O bolinho: pode usar farinha só integral, cla...
Posts mais comentados
11 comentários
6 comentários
5 comentários
4 comentários
mais sobre mim
*Espreitar no blog
 
subscrever feeds
Contador de visitas